Kickboxing

Portugal derruba Inglaterra no Dynamite Fighting Championship 15

Portugal derruba Inglaterra no Dynamite Fighting Championship 15

Andrius Dumitru

Portugal e Inglaterra defrontaram-se este sábado na Arena Top Team, em Albufeira, onde os lutadores lusos foram mais fortes, ao vencerem dois dos três principais combates de kickboxing da noite no Dynamite Fighting Championship 15.

Cerca de 500 espectadores encheram o recinto que acolheu 14 combates e tiveram de esperar até ao fim para assistir ao espetáculo maior. João ‘Chapas’ Silva, com uma plateia a entoar o seu nome em uníssono, protagonizou o confronto mais aguardado do evento. O homem que prometia KO não conseguiu apagar o gigante Andrius Dumitru, que tombou mas não se deixou ficar, ainda que tenha saído derrotado.

“A estratégia que tinha para este combate era entrar muito forte e tentar ganhar logo no início. Queria vencer por KO. Quase, quase, consegui mas o atleta resistiu, foi um grande combate”, disse ‘Chapas’ ao Algarve Desporto no final dos três assaltos.

“Estou feliz pela minha prestação técnica. Tinha algumas inovações para este combate, especialmente a nível de pernas e senti-me concretizado, senti que o treino que fiz foi produtivo”, acrescentou a estrela da noite, que revela que agora é tempo de “fazer um pequeno repouso” para recuperar “algumas pequenas mazelas e lesões”.

Portugal derruba Inglaterra no Dynamite Fighting Championship 15

Humberto Calado

Foi o atleta da Top Team Albufeira que acabou por desempatar o resultado final dos três principais combates do DFC, sendo que o primeiro havia sido ganho por Humberto Calado, da Top Team Silves, frente a Gergely Babocsik e o segundo por Nicola Barke, que foi mais sólida do que a atleta da casa, Micaela Varela.

Maratona de kickboxing teve emoção, desforra e um KO

Antes de ‘Chapas’ subiram ao ringue 26 atletas numa noite organizada ao pormenor. Diana Madeira (Desportos de Combate J. F. Conceição de Faro) e Catarina Jorge (KO Team) protagonizaram o combate feminino mais renhido e emotivo da noite, com a atleta da equipa algarvia a sair vencedora.

Vencedor foi também Alexandre Cruz (Top Team Albufeira), que dominou o combate com Marcelo Santana desde o primeiro minuto, ainda que a vitória do lutador da casa tenha sido conseguida devido à desqualificação por excesso de faltas do atleta da Top Team Beja.

Exatamente a meio desta maratona de combates chegou a vez da desforra entre Edi Barradas e Leandro Sancadas. Um dos momentos mais esperados da noite acabou em derrota para a estrela da casa. Sancadas perdeu por abandono por não resistir aos golpes do lutador da KO Team, que teve uma das comemorações mais efusivas da noite.

Portugal derruba Inglaterra no Dynamite Fighting Championship 15

Mitko Dzambazov e Gonçalo Nobre

Um dos melhores espetáculos da noite teve como protagonistas Gonçalo Nobre e Mitko Dzambazov. Os atletas da Top Team Albufeira e Top Team Silves deram um “show de luta” no combate mais renhido de todos, que acabou por ser ganho por Gonçalo Nobre.

Já o único KO na Arena Top Team Albufeira foi conseguido por Tudor Boston, que não deu hipóteses ao atleta da JS Campinense Yuriy Perezhohin.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultados

Maia Rodrigues vs Rafaela Dez-Reis (Vencedora)

Márcio Pina vs Alex Berdan (Vencedor)

Micael Rodrigues (Vencedor) vs Mário Santos

André Brandão vs Sandro Guerreiro (Vencedor)

Diana Madeira (Vencedora) vs Catarina Jorge

Toby Peasley vs Yevenni Kovalenko (Vencedor)

Alexandre Cruz (Vencedor) vs Marcelo Santana

Rafael Agostinho (Vencedor) vs Fábio Duarte

Edi Monteiro (Vencedor) vs Leandro Sancadas

Gonçalo Nobre (Vencedor) vs Mitko Dzambazov

Yuriy Perezhohin vs Tudor Boston (Vencedor)

Humberto Calado (Vencedor) vs Gergely Babocsik

Micaela Varela vs Nicola Barke (Vencedora)

João ‘Chapas’ Silva (Vencedor) vs Andrius Dumitru


Mais de Kickboxing