Futebol

Onze Esperanças elimina SF Benfica da Taça do Algarve

Onze Esperanças elimina SF Benfica da Taça do Algarve

O FC Os 11 Esperanças fez a festa no final do encontro

O FC Os 11 Esperanças venceu esta quarta-feira o Sport Faro (SF) e Benfica, por 2-0, e eliminou os rivais da capital algarvia da Taça do Algarve, em jogo da segunda ronda da competição, disputado no Complexo Desportivo da Penha, em Faro.

Publicidade

Num jogo em que pertenceram ao SF Benfica as melhores ocasiões de golo, estiveram frente a frente o líder isolado da 2ª divisão distrital, 11 Esperanças – com sete pontos de vantagem sobre o segundo lugar -, e o 10º e antepenúltimo classificado da 1ª divisão.

O primeiro lance de destaque surgiu aos 10 minutos com Andrezinho a rematar de primeira, à meia-volta, para defesa segura do guarda-redes da casa. Dois minutos depois, Guilherme Fortes atirou de fora da área mas o remate saiu fraco.

Contra a corrente do jogo, o 11 Esperanças beneficia de uma grande penalidade, ao minuto 17, por falta de Andrezinho, que viu o cartão amarelo na sequência do lance. E foi da marca dos 11 metros que se desfez a igualdade no marcador.

Aos 20 minutos o perigo rondou a baliza do SF Benfica mas Gianni afastou à boca da baliza. Na resposta, Andrezinho assustou o guardião adversário com um remate traiçoeiro, em arco, perto da linha de fundo.

O extremo era o mais interventivo e aos 30 minutos apareceu dentro da área a finalizar ao lado. Volvidos dois minutos, Tita, isolado, teve nos pés a melhor ocasião da partida mas permitiu o desvio do guarda-redes para canto.

À passagem do minuto 38, uma boa jogada de entendimento no lado direito do ataque ‘encarnado’ terminou com um cruzamento tirado pela defensiva contrária dentro da pequena área.

Andrezinho, o suspeito do costume, voltou a armar o remate, de fora da área, aos 42, mas a bola saiu ao lado. Mas foi o 11 Esperanças, novamente contra a corrente do jogo e já em período de compensação, a voltar a abanar as redes após jogada de insistência no interior da área.

Na segunda parte foi o SF Benfica quem teve sempre a iniciativa do jogo e a melhor oportunidade de golo surgiu à passagem do minuto 73, com Gianni a tirar um cruzamento milimétrico para o cabeceamento que levava selo de golo, não fosse a grande defesa do guarda-redes do 11 Esperanças.

Apesar da pressão da equipa visitante, que jogou os últimos 10 minutos reduzida a 10 unidades por expulsão de Andrezinho, o resultado não se alterou no segundo tempo. A formação do 11 Esperanças tem agora encontro marcado com o Quarteirense na terceira eliminatória.

Nos outros jogos da segunda ronda, também realizados esta quarta-feira, o 4 Ao Cubo foi à Mexilhoeira Grande perder por 4-0 e o GD Lagoa goleou em casa o Unidos Portimão por 5-0.

O Internacional, de Almancil, bateu o Messinense nas grandes penalidades (5-6) e o CD Odiáxere caiu nos últimos minutos frente ao Imortal, de Albufeira, (2-1) depois de ter estado em vantagem. Já o Sambrasense colocou o Guia FC fora da Taça com uma vitória por 2-4.

O Silves FC foi a primeira equipa a garantir a passagem à próxima fase – onde vai encontrar o Carvoeiro United -, depois de vencer na terça-feira o Culatrense por 0-1.

Jogos da terceira eliminatória

GD Lagoa – Internacional CA

FC Os 11 Esperanças – CDR Quarteirense

Moncarapachense – CF Esperança de Lagos

UDR Sambrasense – Imortal DC

Silves FC – FC Carvoeiro United

Mexilhoeira Grande FC – Lusitano VRSA

FC Ferreiras – Quarteira SC

Louletano DC – SR Almancilense


Mais de Futebol